Embolando Palavras

Gay Talese: “Imprensa matou Michael Jackson”

Do Portal Comunique-se:

O jornalista Gay Talese, convidado da Feira Literária Internacional de Paraty (Flip), afirmou que a imprensa matou Michael Jackson. “Acho que ele foi morto pela imprensa (…). Para mim, há cinco anos, Michael Jackson começou a ser envenenado pela imprensa”, disse Talese.

Para o jornalista, a mídia cometeu abusos e noticiou como verdadeiras suposições sobre a vida do cantor. “Quero saber exatamente, em um texto compreensível, o que Michael Jackson fez. Simplesmente dizer que ele ‘abusou’ de alguém é pouco evidente. Lamento por Michael Jackson”.

Talese ainda reforçou sua opinião sobre o papel da mídia na morte do cantor. “A autópsia vai apontar ataque cardíaco ou qualquer outra versão oficial, mas ele vinha morrendo aos poucos há cinco anos, graças à humilhação imposta pelo desserviço de alguns jornalistas. Aqueles que noticiaram como verdadeiras as declarações de pessoas que teriam sido abusadas por Michael Jackson”, ressaltou Talese, conhecido como o “pai” do New Journalism.

Anúncios

Navegação de Post Único

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s