Embolando Palavras

Eugênio Bezerra

Assessor especial da prefeita diz que funcionários públicos que ganham mal “roubam” e “desviam”

 

Era pra ser só um debate sobre a atual gestão municipal de Natal. Mas a conversa descambou pra baixaria graças à participação do secretário Eugênio Bezerra, titular da Assessoria de Assuntos Parlamentares (AAP) da prefeita Micarla de Sousa (PV). Para quem não conhece, Eugênio Bezerra se encaixa com perfeição na descrição de Groucho Marx sobre um desafeto: “ele pode parecer um idiota e falar como um idiota, mas não se deixem enganar, ele é um completo idiota”.

Eugênio Bezerra, conhecido pela truculência com que trata todos ao seu redor (principalmente os seus subordinados), deu às caras na comunidade “RN Política” do Orkut. O secretário da AAP, pra quê serve mesmo essa secretaria?!, criou um tópico onde postou a seguinte nota, retirada do Diário de Natal (*):

 

Print Postagem 01: Eugênio Bezerra

 

Governador de Minas Gerais elogia prefeita de Natal na TV

Em uma longa entrevista ao apresentador Gabriel Chalita na noite desta segunda-feira, em programa veiculado na TV Canção Nova, o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, elogiou a prefeita de Natal Micarla de Sousa.

“Micarla é uma menina nova na política, que vem fazendo uma grande gestão em Natal, com muita correção. Vale frisar que ela ganhou as eleições na capital do Rio Grande do Norte contra tudo e contra todos, mostrando muita força”, disse Neves.

O comentário do governador veio depois de Chalita declarar que Micarla admirava muito a forma de gerir de Aécio. Vale frisar que Neves vem sendo apontado como um dos prováveis candidatos a presidência da república em 2010.”

 

Em seguida, Eugênio me provocou para que eu opinasse sobre o tópico: “Cadê o supra-sumo da cocada-preta Alisson Azevedo (sic) para comentar”. Prontamente, atendi à convocação do, como é mesmo?!, assessor de Assuntos Parlamentares. Comecei meu comentário estranhando que o secretário – cujo pomposo salário de R$ 9.200,00 é pago com dinheiro dos nossos impostos – se dedicasse, em pleno horário de expediente, a passear pelo Orkut. Disse mais:

 

Eugênio 3

 

Todos nós sabemos que a secretaria que vc ocupa é de absoluta inutilidade pública, mas vc podia, pelo menos, fazer de conta que é o contrário…

Quanto ao “elogio” do governador playboy à prefeita, no que se refere à gestão de Natal, é o que Francisca disse: Aécio não conhece Natal.

Fora que ele estava sendo entrevistado por quem mesmo? Ah, lembrei… pelo grande intelectual da auto-ajuda Gabriel Chalita, vereador do PSDB de São Paulo e, como sabemos, outro profundo conhecedor da realidade natalense!!!”.

 

Irritado com minha resposta, Eugênio Bezerra se revelou como verdadeiramente é: autoritário, arrogante e truculento. Disse que seu salário de assessor de Assuntos Parlamentares era “baixo” e completou afirmando que – essa é a parte mais desastrosa do comentário – “funcionário público que ganha mal vai roubar ou desviar”.

 

Eugênio 2

 

O assessor especial da prefeita de Natal disse, sem meias palavras, que servidor público que ganha mal é ladrão. Considerando que a imensa maioria dos servidores públicos brasileiros, potiguares e natalenses ganha mal, Eugênio Bezerra está dizendo que o funcionalismo público, inclusive o funcionalismo público municipal cuja chefe é a prefeita Micarla de Sousa, é formado por uma cambada de ladrões que, para compensar os péssimos salários, roubam ou desviam.

É essa a visão que o assessor especial da prefeita tem daqueles que servem ao município? “Todo funcionário público que ganha mal é ladrão”. Como alguém que ocupa um cargo público, com salário pago pelo dinheiro dos contribuintes, pode fazer uma afirmação tão irresponsável como essa, desrespeitando milhares de trabalhadores e trabalhadoras, pais e mães de família, que têm que se desdobrar com o baixo salário que ganham para sustentarem a si e ao seu lar?

Ao dizer tamanha besteira, Eugênio Bezerra está, no fundo, revelando o grande valor moral que o move: pelo dinheiro e pelo poder, vale tudo. Até mesmo “roubar ou desviar”. Eugênio, como observou outro participante da comunidade do Orkut, deve viver um imenso conflito interno sobre a melhor forma de proceder, dependendo do valor do seu salário. A honestidade do cidadão, segundo seu princípio basilar, está condicionada ao número de zeros à esquerda no contracheque.

Mas a infeliz participação do assessor especial na comunidade “RN Política” não terminou por aí. Em outro tópico, criado para debater aquele episódio do fotógrafo do JH Primeira Edição, expulso pelo secretário Eugênio Bezerra de uma coletiva de imprensa na Prefeitura de Natal, o mesmo rapaz que disse que “todo funcionário público que ganha mal é ladrão” perdeu completamente a compostura que a liturgia do cargo de secretário municipal exige e outra vez meteu os pés pelas mãos.

Para quem não lembra, Eugênio Bezerra expulsou o fotógrafo Magnus Nascimento da coletiva de imprensa só porque o rapaz teve a ousadia de fotografar a prefeita comendo um pedaço de bolo. O episódio foi batizado por um colega bem-humorado do Orkut de “Micarla e o Bologate”. Na tentativa de justificar o ato tresloucado, o assessor especial disse que “a foto fragilizaria a prefeita e a instituição”. Evidente. O povo de Natal não suportaria tomar conhecimento dessa informação apocalíptica: a prefeita come!!!

 

Eugênio 4

 

Em seguida, Eugênio Bezerra, num linguajar que lhe é peculiar, soltou essa pérola:

Agora eu acho desnecessário e deserviço (sic) esse tipo de conduta. Agir assim não interessa. A prefeita deve comer, cagar, mijar e isso é notícia?”.

 

Algumas linhas adiante, Eugênio Bezerra revelou qual é, em sua visão, o modus operandi da imprensa: “sei bem manhas e artmanhas (sic) para vender jornal”. Mais uma vez, o secretário e jornalista Eugênio Bezerra tenta medir os outros com a mesma régua que usa para si.

A lista de impropriedades escritas pelo secretário especial da prefeita Micarla de Sousa é longa. O repertório de agressões dele é extenso. Eugênio Bezerra é um exímio conhecedor da retórica de esgoto, do discurso chulo, do artifício dos boatos, fabricados pela sórdida indústria de mentiras, que trabalha diuturnamente para assassinar a reputação de quem ousa desafinar o coro dos contentes. Além de todos os ataques, o secretário especial da prefeita ainda me fez uma ameaça, caso eu tornasse públicas as suas afirmações estapafúrdias: “Alisson, Experimenta”, escreveu, em tom intimidador.

 

Eugêniooo

 

Como não me vendo e não me rendo, cumpro com meu dever de trazer a público as declarações irresponsáveis do secretário Eugênio Bezerra, para que a sociedade tome conhecimento do que pensa o assessor especial da prefeita sobre o funcionalismo público de Natal, do RN e do Brasil. Para mim, o comportamento e as declarações de Eugênio Bezerra configuram, sem medo de errar, quebra de decoro. Espero que a sociedade dê a resposta que esse rapaz, cujo deslumbramento com o poder atingiu uma proporção inaceitável, merece.

Quanto à prefeita Micarla de Sousa, deixo a seguinte reflexão, que também postei no Orkut: Muitos príncipes, como observou Maquiavel, por não gostarem que lhe digam a verdade, incorrem no erro de se cercarem de aduladores, a quem o autor de “O Príncipe” chamou de “peste”. No Capítulo XXIII da referida obra, Maquiavel anotou o seguinte:

Não há outro meio de guardar-se da adulação, a não ser fazendo com que os homens entendam que não te ofendem dizendo a verdade; mas, quando todos podem dizer-te a verdade, passam a faltar-te com a reverência.

Portanto, um príncipe prudente deve proceder por uma terceira maneira, escolhendo em seu Estado homens sábios e somente a eles deve dar a liberdade de falar-lhe a verdade daquilo que ele pergunte e nada mais.”

Prefeita, cuidado com os aduladores à sua volta. No afã de agradá-la, eles lhe impedem de enxergar a realidade, lhe turvam o entendimento e lhe fazem crer numa ilusão.

(*) Todas as imagens que ilustram esta postagem são prints das páginas da comunidade “RN Política” do Orkut. Eugênio Bezerra deletou as mensagens que havia escrito, mas antes disso, eu já havia salvo as provas no meu PC. Tenho, aqui guardados, todos os arquivos originais, para usá-los se preciso.

Anúncios

Navegação de Post Único

20 opiniões sobre “Eugênio Bezerra

  1. Pingback: Em vez de “casa do povo”, Câmara Municipal vira palco de baixaria de assessor de Micarla « Blog de Raoni

  2. Pingback: Diretor da Petrobras, em estilo Milena Tristo, comemorando aprovação de Dilma: “enfia o dedo e rasga” - Embolando Palavras

  3. GEOVANI em disse:

    ARRIBA!!! TOURADAS EM PARLAMADRI com EL ASSESSOR EU GENIO BEZERRÃO
    GRACIAS MUCHACHO EN CONOCER. ME NOMBRE ES BEZERRÃO, PERO,… SEREI O TOURÃO DE AMANHÃ, PORTANTO, QUE VENGA EL TOURO, MESMO EM FORMA DE BIFE.
    QUE QUE É ISSO, SEU MENINO, PARECE QUE O CABOCLO FEZ PARTE DO BANDO DE DE MOSSORO QUE ENFRENTOU LAMPIÃO E SEU MENINO DE OURO. QUE FARTA DE EDU CAÇÃO, CARAMBA!! me lembra tu tu TUBARÃO, VIRGEM! no brasilês significa outra cousa nostra. ADIOS MUCHACHO E BUENA ENTREVISTA, MEZZZMO, QUE SONO, ATRAZZZZADA. BESTEIRA SOU ANAFABETO DE DE FACUDADE E NASCENÇA NUM SABE? sai da ignorança e ela num sai de dentro de eu. Inté logo.

  4. Pingback: O reino falido de Micarla « Arengueiro Natal/RN/Brasil

  5. Pingback: A ‘cagada’ do presidente da Funcarte « Arengueiro Natal/RN/Brasil

  6. Gustavo em disse:

    Ola. Sinceramente, o que esse Eugenio disse foi uma grande bobagem. Do comeco ao fim. Ponto. Agora levar adiante uma bobagem dita em um site de relacionamentos me parece outra grande besteira. O problema eh o cargo que ele ocupa? Nao. O problema eh permitirem que alguem com ideias tao primarias e grosseiras, que pelo teor denotam ausencia de um minimo de erudicao, ocupem a funcao. Aceitarem que este grande falador de bobagens esteja ai se defendendo e defendendo a prefeita dessa forma. Mas veja-se: quem contrata? Quem aceita? Ora, quem concorda com esta postura. E quem concorda com esta postura, nao deve, pelo menos em tese, enxergar problema algum nela. Este eh o fato realmente preocupante. Eu no lugar do prezado blogueiro me resguardaria da troca de tanta balela. Dar pano para manga as vezes pode ter o efeito oposto do que se espera. Infelizmente.
    parabens pelo blog!

    • alissoncal em disse:

      Gustavo, obrigado pela visita ao blog. Fico feliz pq o nível dos leitores supera em muito o deste escriba. Quanto ao secretário da prefeita, o que ele disse não foi apenas uma bobagem – foi grave. No mais, você está corretíssimo: a responsabilidade maior pelas irresponsabilidades desse rapaz é de quem o contratou – a própria prefeita.

  7. Rômulo em disse:

    Na Prefeitura de Natal, está localizada uma verdadeira Coja, Já está na hora da Promotoria investigar essa ação dos verdadeiros samgues suncva da nossa cidade.

  8. José Correia Torres Neto em disse:

    Prezado Allyson,
    Desde ontem, quando li a sua postagem sobre o caso “todo funcionário público que ganha mal é ladrão”, me deu vontade de comentar algo baseado no Decreto do Código de Ética assinado pela atual gestora nos meados de abril deste ano. Alguém sabe onde esse decreto está disponível? Nem no DOM e nem na página da Prefeitura. Mas levando em consideração o Código de Ética do funcionalismo federal, que faço parte, e do estadual, que são bastante parecidos, poderíamos levantar algumas observações sobre o caso. Em ambos os códigos são deveres do servidor público (seja concursado ou nomeado) “levar ao conhecimento da autoridade superior as irregularidades que tiver ciência em razão do cargo” (art.129), como também “zelar pela economia de material e a conservação do patrimônio público” (art. 129) e “guardar sigilo sobre a sssunto da repartição” (art. 129), além de outros deveres que envolvem postura, legalidade e moral.
    Observando os assuntos abordados no caso “todo funcionário público que ganha mal é ladrão” vemos que, se houvesse um código de ética municipal e que fosse aplicado com rigor, haveria a possibilidade de se iniciar uma assepsia na Prefeitura de nossa tão querida e bela cidade. Seria também uma possibilidade de eliminarmos as pequenas e nocivas lagartas antes que se tranformassem em lepidópteros maquiados.
    Abraço forte!
    J.

  9. Carlos Fialho em disse:

    Parabéns pelo seu blogue.
    Muito bom.
    Vou linkar no meu.

  10. Eugênio, deixe de tirar a sombrancelha que melhora tudo! Brincadeiras de mal gosto à parte- eu posso já que não sou funcionária de ninguém,o episódio com certeza vai mostrar a E onde ele se meteu, e principalmente, ele vai ter que aprender a falar, agir e se comportar de maneira correta, e ele na verdade é um garoto, muito novo, nem deve ter lido Dostoievsky ainda- recomendo com urgência, pra ele perder de vez qualquer esperança com os seres humanos em geral e aprender a ser,pelo menos, cínico. Esse povo que lhe critica se tiver a chance de chegar lá faz igual, e, vamos combinar, tirando Vinícius de Moraes, Carlos Drummond, João Cabral e algumas pouquíssimas exceções, funcionário público não pode ser citado como exemplo de amor e dedicação ao trabalho, a maioria tá lá mesmo só pelo dinheiro e a gente percebe pela total ausência de gentileza e atenção com que eles tratam as pessoas. Moral da história, funcionário público é um saco, Eugênio tem que aprender a se comportar e o mais importante de tudo é que Caetano Veloso não gosta de milkshake!

  11. Arimater em disse:

    Venho a aqui externar de público minha indignação com as infelizes palavras do assessor especial da prefeita de Natal, Eugênio, que disse que “servidor público que ganha mal é ladrão”.
    Como se sabe, ele trabalha para a prefeita de Natal. Gostaria muito de saber qual é a opinião da prefeita Micarla em relação a essa “teoria” levantada por seu assessor, o jornalista Eugênio.
    Sinceramente, confesso que “pronuniciamentos” dessa natureza, como o realizado pelo assessor especial da prefeita Micarla, me preocupam. E me preocupam muito. Não que a idéia dele possa ter algum cunho persuasivo a ponto de me convencer deste absurdo, até porque sou sevidor público, diga-se de passagem, de uma categoria que é mal remunerada – professor – e sem nenhuma hipocrisia, não conheço nenhum dos meus colegas de trabalho que pratique ou ao menos comunguem com essa idéia levantada pelor sr. Eugênio.
    Preocupa-me porque essa idéia parte de um assessor especial da prefeita de nossa capital, eleita com o voto do povo, entre eles muitos sevidores públicos. Preocupa-me por saber que Eugênio é jornalista – um formador de opinião. Preocupa-me porque se tem gente com esse pensamento mesquinho assessorando a prefeita de nossa cidade, temo que tal pensamento contamine nosso povo e passem a nos olhar (servidores públicos) como ladrões.
    Aproveito para enviar o link desse blog para presidência do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (SINTE-RN), esperando o prununciamento de nosso representante, assim como peço a você, caro servidor público, que encaminhe esse link para os sindicatos de suas categorias, ao mesmo tempo em que devemos encher a caixa de e-mail da prefeita Micarla EXIGINDO um posicionamento a respeito das infelizes palavras de seu assessor.

  12. Que coisa, to passada!

  13. danieldantas79 em disse:

    E é um Pelé. Agora diz por aí que teve o perfil de Orkut clonado. Viu o tamanho da besteira que fez e quer se livrar.

  14. leoseabra em disse:

    E essa foto do perfil? bem capa de CD rs. Postura “ideal” para um secretário parlamentar. Uma coisa é certa, julgando a competência desse rapaz, da pra perceber que ele dá ou come as pessoas certas…se não fosse por isso…

    Quer dizer que ele trocou 8 mil e uma certa estabilidade por um emprego temporário e a instável politicalha? Está chamando quem de burro?

  15. impressionante. e ele me citou num dos posts do orkut. vai pra lá, coisa ruim! só tenho a lamentar o fato de ter estudado com esta pessoa.

  16. Pedro Souza em disse:

    Eugênio Bezerra é a face perfeita da administração de Micarla. Autoritário e deslumbrado, o aspone tem carta branca da prefeita, passando por cima inclusive de vários secretários municipais. Pobre Natal…

  17. Alisson, parabéns pelo blog, vá em frente com a denúncia. E quero dizer que repudio a atitude do moderador que, ao que parece, o expulsou da comunidade, apagando os seus posts.

  18. martucha em disse:

    VOU MANDAR isso para a presidente do sinsenat soraya, lembrando que da ultima vez que adao eridan chamou funcionário publico de vagabundo arcou com uma indenização de 15 mil reais.

  19. Gustavo Lucena em disse:

    Caro Allyson, parabéns pelo seu blog.

    Quanto ao Eugênio Bezerra, o caso não é só de quebra de decoro como também é um ato criminoso chamar o funcionário público municipal de ladrão.

    Qualquer servidor lotado no Município pode muito bem entrar com uma representação de difamação e injúria contra o referido assessor.

    Gostaria de aproveitar para dizer que a Comunidade RN Política do Orkut me decepciona bastante. É comandanda por um sujeito autoritário chamado José Henrique, que não aceita opiniões contrárias. Quanto eu tinha conta no orkut eu cheguei a frequentá-la, mas resolvi sair quando sugeri que a mesma fosse moderada porque tinha uns “poetas” (Alan Darlyson, Joaquim, Tiago Salim, Mário e o próprio Zé Henrique) que estavam partindo para a baixaria e fazendo ataques pessoais contra pessoas que apoiavam o Lula/PT/esquerdas em geral.

    Sugiro até que você saia de lá para não perder o equilíbrio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s