Embolando Palavras

Denúncia formalizada

Do portal Na Boca do Mundo:

 

Jornalista registra Boletim de Ocorrência contra Secretário Municipal

O jornalista Alisson Almeida registrou Boletim de Ocorrência (Nº 3618/2009), hoje à tarde, no 8º Distrito Policial de Cidade da Esperança, zona Oeste, contra o secretário da Assessoria de Assuntos Parlamentares (AAP) da Prefeitura de Natal, Eugênio Bezerra, em virtude da ameaça telefônica que ele (Alisson) afirma ter recebido do assessor especial da prefeita Micarla de Sousa. De acordo com o jornalista, a ameaça foi uma “tentativa de intimidação”, motivada pela denúncia publicada no blog “Embolando Palavras”, onde Alisson tornou públicas declarações do secretário afirmando que “servidor público que ganha mal vai roubar ou desviar”. As declarações foram feitas num fórum do site de relacionamentos Orkut.

Em sua defesa, Eugênio Bezerra alegou à reportagem do portal Nabocadomundo.com que não era o autor das mensagens. “Há duas semanas eu informei aos meus amigos que tive a senha do meu Orkut roubada. Inclusive, pedi também o cancelamento através do meu e-mail”, contou. O titular da AAP da PMN também negou que tivesse ameaçado o jornalista Alisson Almeida. Eugênio disse que ligou para ele apenas para pedir que parasse com as denúncias. “Aí ele deve ter entendido como uma ameaça, mas não foi nada disso”, assegurou.

Para Alisson Almeida, integrante da equipe do portal Nabocadomundo.com, a defesa de Eugênio Bezerra, dando conta que não era o autor das declarações no Orkut, “não convence”. “É uma desculpa providencial. Logo que eu disse que iria tornar públicas suas declarações irresponsáveis, ele começou a apagar todas as mensagens no fórum da comunidade RN Política. Além disso, as mensagens continham detalhes sobre episódios ocorridos quando trabalhei com ele no gabinete da então deputada estadual Micarla de Sousa que só o próprio Eugênio Bezerra tinha conhecimento, chegando a relatar desentendimentos profissionais que tivemos no período”, ponderou.

Alisson também disse estranhar o fato de Eugênio dizer que teve o Orkut clonado somente depois de duas semanas. “É estranho ele ter levado tanto tempo para avisar que seu Orkut foi clonado. É mais estranho ainda que o suposto clonador, para não prejudicá-lo, saiu apagando todas as mensagens comprometedoras. Não passa pela cabeça de ninguém que alguém roube o e-mail de alguém para agir de boa fé. Foi o que o suposto ladrão do Orkut dele fez”.

Ainda segundo Alisson, em todas as postagens no referido fórum, o autor das mensagens defendia incansavelmente a administração da prefeita Micarla de Sousa e o empenho do próprio Eugênio, o que seria mais um indício da “farsa” montada pelo secretário para se defender. “Depois que percebeu a besteira que fez, ele construiu essa estratégia de defesa, querendo passar de agressor à vítima”, declarou Alisson.

COINCIDÊNCIA

O jornalista disse ainda estranhar o que chamou de “coincidência” nessa história. “É muita coincidência que, logo após denunciar Eugênio Bezerra no meu blog, meu Orkut foi violado e meu e-mail do provedor UOL, roubado. A pessoa que supostamente clonou o Orkut dele, então, foi a mesma que violou o meu, porque o conteúdo da mensagem difamatória que enviaram em meu nome é igual às agressões das mensagens na comunidade RN Política”, observou.

Alisson afirmou que Eugênio tinha conhecimento do e-mail e senha dele (Alisson) do UOL, desde a época em que trabalhavam juntos. “Eu havia passado meu e-mail e senha pra ele, porque ele queria ter acesso a alguns conteúdos do UOL exclusivos para assinantes. Nunca imaginei que ele agiria de má fé. Ele usou isso para violar meu Orkut e alterar a senha do meu e-mail, mas consegui recuperar as respectivas contas e, para minha surpresa, encontrei registros de todas as adulterações cometidas, o que facilitará o rastreamento do IP do computador utilizado”, relatou.

Em relação às afirmações de Eugênio de que teria ligações com o PT (Partido dos Trabalhadores), Alisson afirmou que o secretário tenta “mudar o foco da situação”. “É do feito dele descontextualizar os fatos. Eu tenho a minha ideologia política, mas sei separar isso da atividade profissional. Tanto que, durante quase dois anos, trabalhei na equipe de Micarla de Sousa, mesmo sem me identificar com suas bandeiras políticas. Essa tentativa dele de trazer coisas da esfera particular, como quando diz que eu passei dificuldades e que me levou para fazer refeições em sua casa, para a esfera pública só demonstra o quanto ele é despreparado e emocionalmente instável”.

Anúncios

Navegação de Post Único

3 opiniões sobre “Denúncia formalizada

  1. O anonimato (não tão anônimo agora) da internet dá margem para as pessoas mostrarem suas verdadeiras facetas. Vamos ver como termina essa história. Parabéns pelo blog.

  2. apoio vc na sua luta. mas mantenha a calma para não perder a cabeça. acho que você pegou pesado – para o momento – com Allan no TWITTER.

  3. Esse Eugênio Bezerra, ficou mais do que comprovado agora, não tem o menor caráter e é um grande, um imenso covarde. Alisson, se precisar de testumunho sobre o ocorrido na comunidade, pode contar comigo.
    Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s