Embolando Palavras

A fraude dos vetos de Micarla

A Tribuna do Norte continua repercutindo o quiprocó dos vetos ilegais da prefeita Micarla de Sousa (PV) aos 17 projetos dos vereadores da oposição. Micarla assinou os vetos fora do prazo legal. O documento enviado à Câmara Municipal apresentava uma “rasura”, indicando possível adulteração na data da assinatura.

A ilegalidade dos vetos foi atestada por um parecer jurídico da procuradoria da CMN, emitido ontem (16). O parecer confirmou que os vetos excederam o prazo legal e, portanto, não têm validade. O documento ainda será analisado pela Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A Comissão decidirá, após a análise, se acata ou não o parecer dos advogados da CMN.

Independente do mérito dos projetos vetados, ficou muito feio pra prefeita passar por fraudadora de documento. Provavelmente a idéia de adulterar a data partiu de algum aspone incompetente, doido pra parecer útil, mas que terminou colocando a chefe numa situação pra lá de incômoda.

Anúncios

Navegação de Post Único

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s