Embolando Palavras

Arquivo para a tag “IBGE”

Bolsa Família: Próximo Passo

Da coluna semanal “O presidente responde“:

Ao comentar a influência do Bolsa Família na educação, em resposta ao leitor Lamarck do Vale Oliveira, de Sobral (CE), o presidente Lula lembrou que o programa beneficia 12 milhões de famílias com renda até R$ 140 (por pessoa), com a condição de que os filhos frequentem a escola e tenha acesso à saúde:

Mais bem alimentados e com mais cuidados médicos, 17,1 milhões de crianças e jovens apresentam rendimento escolar muito mais expressivo. De acordo com dados do Cedeplar e IBGE, o índice de frequência escolar dos alunos de 7 a 14 anos atendidos pelo Bolsa Família é 3,6 pontos percentuais superior ao índice dos não beneficiários. A PNAD revela outro dado importante: o índice de adolescentes de 15 a 17 anos fora da escola caiu de 18,8%, em 2007, para 15%, em 2008.

Agora, temos mais uma ação educacional no Bolsa Família. É o programa Próximo Passo, que visa abrir 172,5 mil vagas de qualificação profissional nas áreas de Turismo e Construção Civil. Trinta e quatro mil beneficiários já estão em sala de aula.

Era só uma marolinha

PIB cresce 1,9% e país sai da “recessão técnica”

Essa é pra quem duvidou quando o presidente Lula disse que a crise econômica no Brasil era só uma “marolinha”. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou hoje (11) o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre deste ano. Os números desapontaram os profetas do caos, aqueles que apostavam que o país iria à lona na onda da recessão mundial. De acordo com o IBGE, a economia brasileira cresceu 1,9% na comparação com o primeiro trimestre.

Comparando com o mesmo período de 2008, houve uma retração no PIB brasileiro de 1,2%. No primeiro semestre de 2009, o PIB caiu 1,5% ante o mesmo período de 2008. No primeiro semestre de 2009, o PIB caiu 1,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Já nos quatro trimestres (12 meses), o PIB apresentou crescimento de 1,3% em relação aos quatro trimestres imediatamente anteriores.

A previsão do mercado é o PIB brasileiro termine o ano registrando queda de 0,16%. Mas os especialistas esperam um 2010 bem melhor, com crescimento de 4%.

Leia mais aqui.

Fim da crise: Brasil cresceu entre 1,8% e 2,0% no 2º trimestre

Ministro Guido Mantega

Ministro Guido Mantega

Em entrevista à Agência Reuters, ontem (4), em Londres, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse que a economia brasileira cresceu até 2% no segundo trimestre deste ano e está no caminho de se expandir 5% ao longo de 2010.

 

“As medidas adotadas no Brasil tiveram efeito e o Brasil é um dos primeiros países a sair da recessão”, disse a jornalistas em Londres, onde participa do encontro de ministros de Finanças do G20.

“Nós teremos crescimento de 1,8% a 2,0% no segundo trimestre.”

O desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) de abril a junho será divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na semana que vem.

Navegação de Posts